sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Cuide de você

Todo mundo já ganhou um fora na vida e cada um digeriu o seu de uma maneira diferente da outra.
É assim a vida.
A artista plástica francesa Sophie Calle resolveu fazer disso uma experiência artística.
Em cartaz com a exposição Cuide de Você, no MAM da Bahia até o dia 22 de novembro, vinda do SESC Pompéia em SP, ela imprimiu um e-mail em que seu namorado terminava o romance e fez 107 cópias deste e-mail. Entregou para 107 mulheres das mais diferentes raças, credos, profissão, posição social, pensamentos, etc.
Pediu a elas que fizessem interpretações, intervenções artísticas ou leituras em cima da carta.
Que fizessem uma análise profissional do texto com sentimento.
O resultado é esta exposição que abriu a Bienal de Veneza de 2007, depois foi para a França, o Canadá e EUA e agora está no Brasil e tomara que venha para o Rio em 2010.

Mulher é realmente um ser incrível.
Fiquei pensando neste cara que escreveu
este e-mail....
É possivel que ele tenha se arrependido para sempre ao saber que seu e-mail anônimo, claro percorreu o mundo!!
Sophie Calle conseguiu transformar o seu sofrimento e o seu fora em uma experiência inovadora.
É uma solução
.

www.sophiecalle.com.br

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Pois é. Tinha eu me interessado pela "exposição-extrapolativa-da-vida-conjugal" quando Sophie veio ao Rio para a última Flip e debateu com o ex-marido, escritor e participante da Festa Literária, suas mazelas conjugais. Confesso que gostei mais da postura dele. Estava em São Paulo quando a exposição acontecia no Sesc Pompéia e a divulação era tamanha que dava para se ter a dimenção aproximada do que acontecia ali mas dei prioridade a outros eventos. Talvez se ela montar esta exposição no Rio eu vá visitá-la. Talvez. Acho que como artes plásticas valha à pena.

    ResponderExcluir
  3. Oi Mara, eu nem sabia deste debate da Flip, mas de qualquer forma o que me chamou a atenção é exatamente a capacidade em se fazer arte de um assunto pessoal para ela. Tenho curiosidade pela exposição através das imagens que vi de algumas das mulheres escolhidas.

    ResponderExcluir